Convênio beneficia residentes

Residentes de Medicina Intensiva e Medicina de Emergência de Minas Gerais estão sendo beneficiados com a parceria firmada entre o Hospital das Clínicas (HC), a Faculdade de Medicina da UFMG e o Erasmus Medical Center da Universidade Erasmus, localizado na cidade de Rotterdam, na Holanda. As entidades renovaram o acordo de cooperação, em outubro, possibilitando o intercâmbio de estudantes, médicos residentes e o desenvolvimento de projetos de pesquisa conjuntos.

O coordenador do estágio internacional e colaboração em pesquisa em Medicina Intensiva, Saulo Saturnino, explica que o Erasmus Medical Center é uma instituição de excelência na Holanda, com grande expertise e produção científica nas áreas de AVE, síndromes coronarianas agudas, síndrome de desconforto respiratório agudo e monitorização hemodinâmica, dentre outros. De acordo com o especialista, a iniciativa se destina a melhorar a qualificação dos residentes e facilitar a colaboração em pesquisa clínica. “Recebemos estudantes holandeses na UFMG periodicamente. Na última visita, em novembro, eles participaram, juntamente com residentes brasileiros, de curso de extensão e atuação em vários setores do hospital, incluindo ambulatórios, centro cirúrgico, unidade de emergência e UTI do Pronto Socorro.”

Nesta primeira etapa os residentes cumprirão os estágios de novembro de 2017 a novembro de 2018. A primeira residente em Medicina Intensiva do HC UFMG, Pulcheria Araújo já se encontra na Holanda. Saturnino ressalta que essa troca contínua de conhecimento ajuda na formação e qualificação dos residentes e abre a perspectiva de colaboração em pesquisa.

Para a primeira etapa foram selecionados residentes do HC, Felício Rocho e João XXIII. Nova seleção poderá ser aberta no segundo semestre de 2018 conforme os resultados da primeira etapa.

Saulo Saturnino é o coordenador do estágio internacional e colaboração em pesquisa em Medicina Intensiva